Browsing Tag

designer de interiores

Aquele de um ano com os pratos coloridos

Uncategorized
Primeiras compras do apartamento

Que dia frio! Em dias assim a minha única vontade é ficar na cama, assistindo série (no momento, doctor who) e bebendo chocolate quente. Mas hoje eu acordei esperta e estava com umas ideias legais, então levantei cedo e resolvi ficar mais esperta ainda lavando a louça acumulada da pia com aquela horrível água gelada (primeiro item de compra quando eu tiver a MINHA casa vai ser uma torneira misturadora!). Passei boa parte do meu dia trabalhando em um projeto de design gráfico, embora eu não seja designer gráfica…mas o projeto em geral diz respeito ao meu trabalho com design de interiores, então eu estou dando o meu melhor com relação a tudo e se eu sou capaz de “desenhar” o layout de um site e mexer na programação, por que não? Acho até que se eu fosse voltar a fazer faculdade, ia preferir estudar design gráfico do que fazer um curso de arquitetura (eu sou apenas designer).
Esse mês faz um ano que eu mudei de São Paulo para Brasília e eu sou dessas que fica lembrando os anos de todas as coisas…É que eu estava tão animada com a mudança e cheia de expectativas sobre morar aqui ser mais legal que morar lá! E é tão mágico olhar pra todas as coisas incríveis que aconteceram esse ano e pensar que seria bem diferente se eu não tivesse vindo. A foto desse post mostra as primeiras coisas que eu comprei para casa: itens de cozinha. Achei tão divertido comprar os pratos coloridos! Eu realmente estou aproveitando essa fase e desejando que essa parte boa demore a passar (porque também tem o lado ruim, né?!). Let’s see!

Um beijo,

Thyeme-Figueiredo

Poster cidade estrelada

Uncategorized

Oi vocês!

Como dito neste e nest post, uma vez por mês aqui no blog vamos disponibilizar o download de um poster em PDF (em alta resolução!). Os posteres são feitos por mim, então, pelo menos por enquanto, eles são bem simples (já que eu não sou designer gráfico). Mas eu não publico aqui nada que eu ache que vai ficar ruim se vocês usarem na decoração, então, se acharem o poster legal, é só fazer o download e imprimir em A4 ou A3 em qualquer gráfica e no papel que quiserem! Se não curtiu esse, é só esperar até o mês que vem que será outro (e esse não estará mais disponível). Lembrando que para liberar o download, é necessário compartilhar uma mensagem no Twitter ou facebook ou orkut (pois é, orkut hehe).

UPDATE: Todos os pôsteres criados no opinião a designer ficaram disponíveis para download grátis durante um mês. Após um ano, todos voltaram a ficar disponíveis para compra no society6.

Abaixo estão fotos com os dois últimos posteres disponibilizados, eles não podem mais ser baixados!

download de poster gratisdownload de poster gratis
Beijos e até o próximo!

Thyeme Figueiredo

Algumas notas sobre: Quero gastar pouco!

Uncategorized
O blog vai fazer um ano. Comecei escrevendo e mostrando coisas bem simples, dúvidas pessoais e referências que eu ia encontrando no we heart it e no tumblr. Quem lembra do post “tinta imantada funciona mesmo?” e “duas notas: Closet usando araras”? Nessa época eu nem tinha muita domínio sobre os posts, levava quase três horas pra escrever um texto de 15 linhas… estou lembrando isso, porque andei refletindo sobre os posts e, fazendo uma análise mais profunda, dá pra perceber que o estilo de decoração apresentado aqui no blog mudou um pouquinho. Vamos dizer que ficou mais “houzz”, creio que porque fui me aprofundando na profissão e acabei ficando mais rigorosa quanto ao que penso ser realmente bonito. Só que grande parte das referências que eu estava utilizando, são projetos europeus ou americanos, o que foge MUITO da nossa realidade aqui no Brasil. Tá, nem é tão diferente assim. Mas aqui no Brasil, por exemplo, não é tão fácil e barato encontrar cama com dossel. Sem falar que moramos em um país tropical (abençoado por Deus e bonito por natureza #nãoresisti), logo, não há quem aguente a cama muito enfeitada, sabe, com lençol de cama + edredom + colcha de cama + duvet… talvez em algumas épocas do ano e em uns poucos lugares. No Pará, ai de mim se usasse mais que um lençol na cama! Morria de calor. 
Quero dizer que as coisas vão ficar mais selecionadas por aqui. Não dá pra parar de postar essas referências do exterior, que são lindas! Mas, também é preciso mostrar como podemos usar as coisas por aqui, do jeito que a gente precisa, que é como realmente vai funcionar. Para começar, preparei esse post com algumas dicas simples pra quem gosta de tudo arrumadinho mas nem tá afim de gastar muito:
  • Observe! Sabe por que em blogs e sites de decoração geralmente tem muita imagem e pouco texto? Porque é assim que a gente descobre o que quer: Olhando. Observando. Nem tudo o que é bonito vai servir pra gente. Mas, quando gostar muito de algum ambiente, tente descobrir o que foi que você gostou. Foi a cor? A disposição dos móveis? Algum objeto específico? Anote. Conforme você for observando outros ambientes, você vai encontrar outras coisas que podem se encaixar com o que você gostou anteriormente. Assim, você vai conhecendo o seu estilo e entendendo o que vai ficar legal de acordo com o seu bolso. Garanto que muita coisa vai ser descartada, coisas liiiiindas, que “um dia, quem sabe”. Mas hoje não.
  • Se você não pode pagar, se conforme e encontre outra ideia. Mas não seja “mão de vaca”. Outro dia, fui comprar uma estante de inox, que estava no projeto que fiz pra minha sala. Chegando na loja, vi uma outra estante maior e mais barata. Era de inox também, mas ia dar um aspecto completamente diferente do que eu queria, por conta do tamanho, só que estava mais barata e eu só não mudei de ideia porque quem estava me acompanhando sabia que depois eu ia me arrepender e me impediu. E eu sou designer né (enjoadíssima com essas coisas!). Se não pode, não pode. Mas se pode, por favor não tenha pena!
  • Uma coisa de cada vez. Tem casos que a necessidade vai falar mais alto e você vai acabar comprando o mais barato (e, às vezes, o mais feio) porque o dinheiro não dá para o melhor e você precisa daquilo MESMO. Porém, se não for tão urgente assim, espere. É melhor esperar e comprar o que você quer, que provavelmente tem mais qualidade, do que comprar logo o mais baratinho (e correr o risco de nunca mais comprar o melhor ou gastar duas vezes).
Odeio que existam coisas tão absurdamente caras no mercado de decoração. No entanto, existem coisas que merecem o preço que tem. Outras não. Aprendi que sempre há um jeito de tornar tudo mais bonito. Se você não está disposto a pagar muito caro, pesquise, que vai acabar encontrando uma boa alternativa. Mas dependendo do tipo de coisa que você quer fazer, contratar um bom profissional, pode ser a melhor solução para o seu bolso. Esquece essa história de que arquiteto e designer é coisa pra gente rica, porque não é (e hoje mais do que nunca não é!).

Deu preguiça de ler tudo, não é?Sem imagens, piorou. Mas vai ter imagem no próximo post.

 É só acompanhar: Página do facebook!

assinatura blog

Recicle: Transforme garrafas, latas e potes em porta-retrato!

Uncategorized

Esse post é na verdade uma reunião de algumas imagens com ideias muito legais (e sustentáveis) para você ficar inspirado e saber como aproveitar alguns ítens que você provavelmente tem em casa e não sabe como utilizar…
Lembrando:

  • Na hora de colocar a foto na garrafa, primeiro enrole a foto usando uma caneta, um pincel ou algum outro objeto fininho e jogue ela assim mesmo dentro da garrafa, em seguida apenas ajeite ela por dentro usando o objeto fininho, não precisa usar nada colante.
  • As fotos na lata ficam bem legais, só que mais desprotegidas. Talvez seja melhor não imprimi-las em papel fotográfico e cobrir a área com papel compact transparente, isso evitará que a imagem estrague na primeira gota de água que cair em cima.
  • E as capas de fita VHS hein gente? *_* Você reclica e ainda se torna um ítem útil, além de fofo!

fotonalata
garrafas
Porta-Retrato-em-Potes-de-Vidro
Potes-de-Vidro-como-Porta-Retrato
4569
380474_420610284642029_948300509_n
(fonte: Lady style )
E vocês, já usaram algumas dessas ideias? utilizou algum método diferente? Seu comentário será bem vindo!
assinatura blog

Aprenda como arrumar sua cama

Uncategorized
Com certeza você já viu algum quarto que te deixou maravilhado seja em uma foto, num filme, em um hotel… preste atenção em um detalhe, que muitas vezes passa despercebido: a arrumação da cama. Não é todo mundo que tem o hábito de arrumar a cama sempre e o método apresentado nesse post exige um pouco mais de tempo. Mas leia o post e lembre que você pode querer fazer isso num quarto de hóspedes (belíssimo cartão de visitas hein!), ou em numa ocasião especial (atenção casais!). Mesmo que sua cama não fique assim sempre, em algum momento da vida isso será útil e não vai se arrepender, acredite!

como arrumar a cama (2)

Para começar, vamos entender quais são as “roupas” necessárias para vestir bem uma cama:

cama-perfeita1

  • Os travesseiros de pluma costumam ser um pouco mais caros, mas valem pela qualidade. As almofadas na cama, costumam ser mais decorativas mesmo e você pode ter quantas quiser, desde que elas não ocupem toda a cama, ou pode ter rolinhos. É interessante ter protetor de travesseiro sob as fronhas, isso ajuda a conservá-los por mais tempo. As colchas costumam ter porta-travesseiros, que são úteis tanto só pela decoração, como para usar na hora de ficar encostado mesmo, para ler, assistir televisão e etc.
  • O lençol de baixo deve ter elástico em toda a sua volta e deverá ficar por cima do protetor de colchão, que é tão importante ou até mais que os protetores de travesseiro.
  • No caso de lugares quentes, o lençol de cima será o penúltimo item( o último seria a peseira), sendo indicado usar uma colcha bem bonita…
  • …já nos lugares mais frios, o lençol de cima ficará em cima do lençol de baixo e abaixo de uma colcha ou edredom.
  • Como citado no ítem anterior, a colcha ou edredom será o item de mais destaque entre as roupas da cama, ficando abaixo somente da peseira e do duvet ou manta ( se tiver).
  • A peseira é um item decorativo, e todos deveriam usá-lo, mesmo nos lugares mais quentes e nas decorações mais simples, é um dos itens que mais dão charme.
  • O duvet ou a manta, serão usados nos lugares mais frios. Falando de região, seria o sul do Brasil. Ficam lindos também, mas nos lugares quentes nem pensar!
Entendeu o que é cada um? Mais ou menos? Assista o vídeo abaixo e veja o passo a passo:

  • Lembrando que é muito importante ter as medidas do colchão (e da cama, no caso de cama box) na hora de comprar a roupa de cama. Tenha em mãos o comprimento, a largura e a altura.
  • Lembre-se também que produtos feitos com algodão, tem a tendência de encolher em até 10% (esta é uma característica natural do algodão), então não compre produtos nesse material na medida exata!
  • Infelizmente, as roupas de cama nem sempre tem um tamanho padrão devido a quantidade de fabricantes diferentes, portanto, preste atenção nas medidas desses produtos de menor preço, a diferença pode não estar na qualidade, mas nas medidas!
  • Em cama box, É OBRIGATÓRIO USAR SAIA (Clique para ver a imagem).
  • Para quem ainda tem dúvidas sobre a vira: Ela deve ter no mínimo 65 cm de comprimento quando dobrada sobre a colcha e deve ficar com um espaço de aproximadamente 50 cm da cabeceira ( espaço onde ficarão os travesseiros).
  • Os travesseiros maiores devem ficar atrás ( mais próximos da cabeceira) e os menores devem ficar mais à frente.

BeFunky_VintageColors_4

Aqui nesse post (clique) você vai encontrar algumas ideias de como pode arrumar os travesseiros na cama.
E para você que gostaria de ter uma cama arrumada sempre mas não tem paciência, vai uma curiosidade: Designers criam cama que se arruma sozinha!
E você pode começar suas compras por aqui:

  1. Trousseau
  2. Trussardi
  3. Portal Marlene
  4. Tecdec
  5. Silvia Heringer

E aí o que vocês acharam…vale a pena?
(fontes: Faz fácil , Bossame)

assinatura blog

Recicle: E transforme um carretel em estante!

Uncategorized

Madrugada de insônia e resolvi ler alguns artigos do meu leitor de feeds que há muito eu estava procrastinando…uma coisa leva a outra e acabei parando em um blog MUITO LEGAL. E nesse blog tem um post ensinando a transformar um carretel nessa estande de livros fofa: spoolbookcase3 Os materiais necessários são:

  • Um pequeno carretel de cabos
  • buchas de madeira
  • 3-4 rodízios (rodas giratórias)
  • cola de moldagem
  • Serra
  • Fita de medição (trena)
  • Pintar
  • Broca e parafusos

No post, ela menciona que esses carretéis podem ter uma variedade de tamanhos, sendo o de menor tamanho o que foi transformado, e que eles são usados para cabos de eletricidade, logo, é possível conseguir um destes com algum eletricista… COMEÇANDO:

  1. Pinte o carretel e as buchas (neste caso, foi utilizada uma tinta branca com o primer já misturado). Ela sugere que seja pintado com apenas duas camadas, já que ela testou com 4 e não gostou do resultado, que destacou as falhas de um jeito ruim.
  2. Depois que a tinta estiver seca, vire o carretel e posicione os rodízios onde quiser ( pode-se usar 3 rodas ou 4, mas neste caso usou-se 4)
  3. Meça a altura entre a parte superior e inferior do carretel, pois esse será o tamanho que as buchas de madeira deverão ter. Com a serra, corte de 5 a 6 buchas.
  4. Usando cola de moldagem, posicione e coloque os pinos sobre um pé separado e mantenha no lugar enquanto eles secam.

Aqui está o post original. Cliquem no link e encontrarão todas as imagens demonstrativas, lá o post está em inglês e aqui o tutorial foi apenas traduzido. Fora isso, vale a pena fuçar o blog dela, garanto que vocês encontrarão ideias de como transformar coisas que provavelmente tem em casa. E então amantes de leitura, gostaram? assinatura blog

O quarto de Jenna Hamilton- Awkward

Uncategorized

Awkward Senti amor à primeira vista quando vi a foto desse quarto. A verdade é que, da mesma forma que no post da terça-feira da semana passada (Os quartos de Pretty Little Liars ),eu nunca assisti essa série, que se chama Awkward. Acabei baixando o primeiro episódio só para conseguir entender melhor o layout do quarto…e acaba sendo mais uma que eu vou começar a acompanhar 🙂 O que me chamou mesmo atenção foi essa mistura da cama azul com a parede amarela *_* Que coisa linda gente! Mais uma fonte de inspiração para mim e para vocês. Digo isso por tratar-se de um quarto simples. Às vezes a gente tem tanta coisa legal em casa que não aproveitamos de um modo bonito por falta de saber como fazer ou por não saber onde colocar… breve pretendo fazer alguns posts voltados para layouts. Pois bem, comece inspirando-se com a paleta de cores desse quarto. Em seguida, observe os passarinhos na parede de cabeceira, lembraram?: Quarto da Serena e quarto da Stefanie. ( Que tal a gente aprender isso com um tutorial?? hmm…Eba!) Esse quarto é bem vintage e bem adolescente. Os criados-mudos estão abarrotados de coisas e ela pendura bijuterias na cabeceira ( eu fazia isso no meu guarda-roupas e ficava bem gracinha). Ela emoldurou dois desenhos de estilismo que talvez ela mesma tenha feito e grudou outros cartazes bem aleatoriamente na outra parede, o tipo de bagunça que eu sempre falo e vocês já conhecem, QUE FICA LINDO! Não consegui identificar se essa abertura é uma porta que vai para uma sacada ou se é uma janela, mas deu para ver que tem uma persiana branca e por cima ainda tem mais uma cortina azul ( que parece ser de um tecido mais “encorpado” ) e sob ela tem uma cortina branquinha ( que parece ser de um tecido bem levinho). Eu achei proteção em excesso para um mesmo ambiente, mas… A escrivaninha. Espaços de trabalho são o meu xodó. Adorei a bancada de trabalho dela sobre dois cavaletes, lembra muito um projetinho que eu fiz. Fica bem legal e não sai caro (!). Quanto ao mural dela…eu realmente não gosto. Acho que funciona para algumas pessoas, mas para mim, é muita informação visual. Pode até ser bem misturado assim, mas em uma quantidade menor. Vejo esse detalhe como um ponto a se pensar, ja que um mural assim no seu campo de visão nos momentos em que você precisa ter concentração em alguma coisa pode muito facilmente servir como distração. Sem falar que ficaria enjoativo bastante rápido. Pensem nisso. Nessa última imagem eu senti uma diferença sutil e ainda assim óbvia no quarto. O pisca-pisca na parede de cabeceira foi substituido por duas arandelas bem lindinhas ( mas eu achava o pisca-pisca bem mais “cool”). Senti falta da peseira da cama (?!). E os quadros mudaram de lugar, bem como os cartazes colados. Os colares sumiram da cabeceira da cama e os dois criados-mudos estão com pouquíssimas coisas sobre eles. Não sei se vocês conseguem sentir a diferença da primeira imagem para essa última imagem, mas os detalhes que foram substituídos fizeram MUITA diferença. A sensação mudou. Nessa última imagem você tem um quarto mais adulto enquanto na primeira imagem há um quarto bem mais adolescente e, por consequência, mais alegre. Opinião dada e inspiração publicada. Agora é com vocês!: ) (Fonte: http://www.depoisdosquinze.com/2012/09/04/ja-assistiu-o-seriado-awkward/) assinatura blog

O quarto da jovem modelo

Uncategorized

No post de hoje, o tour é pelo quarto de uma modelo chamada Sarah, que é filha de uma designer de interiores chamada Rebecca Robeson. Sendo ela filha de uma designer, esperem um quarto BEM diferente dos já mostrados aqui no blog nessa seção. Vamos comentar:

Esse não é o quarto que eu ia comentar a princípio, mas enquanto assistia o vídeo do quarto escolhido, comecei a sentir enjoo… QUAL O MOTIVO DE TANTO PINK? Assisti cerca de quatro vídeos até perceber que o pink, o rosa e afins são as cores dominantes na decoração do quarto de quase todas as meninas que postam vídeos no youtube. Nada contra o rosa, acho até bem bonita essa cor, mas sem exageros! Agora cortina rosa, colcha de cama rosa, almofadas rosa, porta-retrato com pluminha rosa, cadeira rosa… Foi quando encontrei esse vídeo, que é um outro extremo. paleta A paleta de cores desse quarto é bem sóbria. Preto, marrom, cinza, branco e…salmão. Acrescente um pouquinho de verde da planta em cima do criado-mudo. O piso é de madeira escura e o forro é gesso pintado com uma espécie de bege. Trata-se de um quarto moderno. 1 Pelo que pude entender, O quarto+closet eram dois quartos que foram tranformados em um só afim de se conseguir mais espaço. E é na realidade um espaço bem pequeno, que ganha essa sensação de amplitude graças ao imenso espelho que cobre inteiramente uma das paredes laterais à cama. A cortina de tecido preto ganhou vida com a cortina de contas redondas sob ela e o quarto ganhou elegância com a simetria dos criados em ambos os lados da cama. Reparem nos puxadores de acrílico do criado-mudo. 2 3 Não gostei muito desse enfeite na parede, nem dos candelabros, pois o quarto pertence a uma garota bem jovem. Eu aceitaria mais essa quantidade de seriedade nos detalhes se o quarto pertencesse a um casal ou à uma mulher mais velha. Um detalhe mais coloridinho aí não mataria ninguém. Mas… 4 Digo o mesmo sobre a mesa do computador. Achei bem interessante esses 3 porta-retratos presos em uma barra, pelo visto, eles giram em torno da barra e isso parece legal. Para ser sincera, tudo está muito bem composto para o estilo do ambiente, as luminárias, os enfeites… mas como é possível que uma menina jovem não tenha sequer um enfeite coloridinho? ( aposto que estão escondidos dentro das gavetas o/ ). O que eu quero mesmo dizer, é que um quarto tão sóbrio e tão organizado assim, aos meus olhos, parece um pouco sem vida. Como se ninguém o usasse e eu realmente não gosto disso. Não consegui pegar a imagem de um ângulo bom, mas prestem atenção no ventilador transparente dela (*_*). 5 O closet dela é elegante e agora sim: é jovem. Não tem um monte de pluma pink e a cortina é preta. Tá, ele nem é tão jovem assim. Mas a flor em cima da mesinha por mais singela que seja deixou o espaço mais delicado. O revisteiro (que parece um cavalete) também deu mais alegria ao espaço, já que permite que o colorido das revistas apareça. O resto do destaque desse ambiente vai para… as roupas! Não, mentira. Vai para os sapatos (hehe). 6 7 8 O quarto é muito bonito, tem um bom layout, não tem móveis nem coisas em excesso, ao contrário. As cores estão bem colocadas, claro, houve um projeto feito por uma profissional, que por sinal era a mãe da dona do quarto. Quem melhor que ela pra saber o gosto da filha não é? Acabei descobrindo com essa análise que eu sou bem Romero britto… Só para deixar mais claro para vocês a minha “implicância” com o rosa, abaixo segue imagem de dois quartos de super bom gosto de duas personagens bem conhecidas da TV: Serena e Blair (gossip girl). NO PINK! Quarto da Blair Quarto da serena Essa é minha opinião. Qual a de vocês? assinatura blog

Por favor, sente-se!

Uncategorized

O post de hoje é curtinho. Na verdade, o que eu queria destacar com as imagens, são ideias para espaços de leitura (principalmente). É muito simples montar um espaço assim, com assentos embutidos e, tenho certeza que quem investe em um ambiente desse tipo, não se arrepende. E nem precisa ser um espaço muito grande não, sabe aquele cantinho que aparentemente nada cabe? Talvez essa seja a solução! Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos As 3 imagens abaixo foram achados pelos quais eu morro de admiração. São um pouco diferentes das imagens acima porque se tratam de ambientes menos “encolhidos”. No entanto, um encanto… Assentos embutidos Assentos embutidos Assentos embutidos assinatura blog

Resumo inspirador da semana 20/08/2012

Uncategorized

Essa semana eu comecei a ler um livro chamado “a história dos quartos” e continuo a leitura de “cartas a Théo”. São dois ótimos livros, mas admito que é preciso ter um mínimo de interesse pelo assunto para que a leitura seja proveitosa. O livro sobre os quartos é de fato um livro de história que fala sobre as muitas funções que o quarto tem tido desde os tempos antigos e também fala sobre os quartos das diferentes classes sociais e suas diferenças ( eu disse que é preciso interesse pelo assunto haha). O segundo livro na realidade é a reunião das cartas que o pintor impressionista Vincent Van Gogh escreveu para seu irmão Théo durante quase toda a sua vida. Eu gosto do Van Gogh desde criança, então vocês podem imaginar a sede com que eu leio esse livro. Mas para quem não é admirador dele também vale a pena, principalmente para quem tenta entender arte. Ele descreve minuciosamente obras de outros pintores (alguns até mais famosos que ele hoje em dia) e faz uma reflexão bastante informal (portanto, muito clara) sobre as suas próprias pinturas, sem falar que ele tinha cada pensamento genial sobre a vida… Livros Fiz uma visita na loja Q&E Quartos para olhar o novo show room da loja ( vale super a pena ir lá conferir de perto!). A loja é voltada especificamente para quartos e o mobiliário deles é muito bem acabado. Trouxe algumas imagens ( de qualidade fraquinha :/) porque o site deles ainda está com o show room antigo.

Tive uma conversa com a decoradora Suzana Schermann sobre quartos de praia e de campo e sobre quais materiais são mais práticos para utilizar nesse tipo de residência. Abaixo estão as imagens de dois quartos que ela projetou para o show room da Q&E: IMG_7570    IMG_7502IMG_7503IMG_7504    IMG_7506IMG_7507foto 3-3 suzana schermann IMG_7571 O quarto abaixo faz parte do antigo show room e foi inspirado na Brigitte Bardot: quarto brigite bardot Suzana Schermann Adorei esse site da margaretss. Tem uma série de coisas legais no estilo faça você mesmo! topo1 E confesso que eu esqueci o qualquer coisa fora isso que eu tenha feito no restante da semana Smiley pensativo  Semana que vem vou anotar absolutamente TUDO! Em toda caso, espero que possa servir de inspiração para vocês e que o final de semana seja incível. Beijo Volto já assinatura blog