2018-12-24 07.07.08 1.jpg

The dark side off

Diário Slide

Primeiro post do ano chegou meio aleatório porque não consegui cumprir a minha meta de postar mais em dezembro. Mas não tem problema. Faz tempo que eu sentia estar na pior fase da minha vida, todas as semanas precisando de uma pausa de tudo, todas as noites querendo ser outra pessoa e estar em outro lugar e fazendo outra coisa e pensando outra coisa e… acho que eu tirei tempo pra organizar tudo isso. Tempo que eu queria que tivesse durado uma semana ou um mês, mas foram anos. E finalmente eu sinto como se as coisas estivessem no seu devido lugar dentro de mim e essa fase tenebrosa que tanto me atrasou, me deprimiu e me atrapalhou de viver (viver de verdade sabe, estar presente no momento presente), agora se transformou em energia e planos.

2018-12-24 07.25.48 1.jpg

2018-12-24 07.25.50 1.jpg

Refletindo um pouco, eu percebi que por mais que eu achasse que não, eu ainda me importo muito com o que as pessoas pensam sobre mim e sem que eu me desse conta, eu comecei a me fechar. Mas não acho que foi uma introspecção saudável, eu simplesmente estava com tanto medo de me decepcionar com as pessoas que eu parei de me envolver e isso é um grande problema porque eu não sou e nunca fui assim. Eu gosto de pessoas (por mais que eu reclame no twitter, eu gosto) e eu preciso de pessoas e desse convívio pra me recarregar. Só recentemente eu entendi que isso estava me fazendo mal e que os motivos de estar fazendo isso estavam errados, não era uma simples mudança de personalidade. Eu me apeguei muito com algumas pessoas (porque é isso o que eu faço com pessoas) e me decepcionei imensamente, mas agora só consigo pensar que isso não é um motivo válido pra me manter afastada de pessoas que ainda nem tiveram a oportunidade de me conhecer direito e até de pessoas que eu gosto muito.

Daí que isso atrapalhou tudo o que eu fazia na minha vida porque meu trabalho até então meio que sempre dependeu de marketing pessoal e quase ninguém sabe, mas o esforço que eu precisava pra conseguir postar uma simples foto no instagram era enorme. Não era assim o tempo inteiro, mas foi assim durante a maior parte do tempo e foi completamente desgastante.

2018-12-24 07.25.51 1.jpg

Eu tenho certeza que se eu tivesse feito umas sessões de terapia, eu teria superado tudo isso mais rápido, e eu digo tudo isso porque ainda tinham outras questões pendentes me causando uma carga pesada emocionalmente. Mas eu fui deixando pra depois e só agora comecei a ver a luz no fim do túnel. Acho que eu estou escrevendo tudo isso porque já tem uns dois meses que eu me sinto dessa forma tranquila. Antes disso eu tive uns períodos de achar que tudo já estava ficando bem e não duravam nem uma semana. No caso, eu estou muito animada pra fazer uma infinidade de coisas e a sensação de novamente ter planos que me deixam tão alegre é impagável. Uma das coisas que eu quero muito melhorar (e eu sei o quanto vai soar idiota) é voltar a postar coisas sem me cobrar tanto e isso significa voltar a ser mais como eu sou sem o medo do pensamento de quem quer que seja.

Esse é um post de feliz ano novo e de expectativas moderadas (haha) sobre os meses à frente. Um dia de cada vez né? Espero chegar no final desse ano com muitos posts e muitas histórias legais pra ser a prova pra mim mesma de que mesmo as fases ruins que duram anos, passam. Obrigada por acompanharem o meu blog <3

2019-01-01 02.07.44 1.jpg

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply